sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Enfeitei-me de flores pra você notar
Juntei as estrelas para te dar...
Cobri-me com a lua prá te esperar

Abracei o encontro da minha alma aprendiz,
Com a paz de te ver assim tão feliz!

Brindei nossa folia, dancei na sua estrada
Amo, sou amada, namorada, abraçada, beijada
Toquei na sua poesia onde meu amor se fez morada.

...quando meu amor se faz normal: a loucura aparece pra
se fazer equilibrar...mesmo que em corda bamba. (Bandys)

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Minha alma hoje te embala
nos meus braços acolho-te...
E como se mágica fosse
Faço-te dormir num sonho
que se cala, emudece.

Na escuridão contorno seus lábios
Seu rosto, seus olhos, todo seu corpo
Que na espera do meu se cansa, acostuma.
Aconchega pela rebeldia e fica pra amar

Teu cheiro inebria, minha mão acaricia.
Você perdido quer me amar, eu rendida
Entrego meu coração que junto ao teu faz palpitar.
E completa como metade eu fosse, no meio de tudo
Querendo acreditar, só te namorar
Faço-me menina pra te acordar.

...solto minha voz, danço com a alma, e falo
pra mim e pro mundo. Meu antídoto sempre é o amor! (Bandys) ♥

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Amor,
Pego hoje aquela florzinha
Na beira do precipício;
Teu amor me basta,
Sem deixar vazio.
Sinto teu perfume
Teu jeito, respeito, refeito
Elogios, carinhos soltos
Aquece-me do frio, te contagio.
E te amo ate vazio...

...amar é arriscar; amar é abraçar a lua,
e tocar o céu, enfeitar so pra voce. (Bandys)♥

domingo, 15 de fevereiro de 2009



"Minha alma de sonhar anda cansada,
perdida sem direção. Ser firme nas decisões,
ser coerente e descobrir meios novos nas confusões".

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009



“Não construímos amizades como construímos casa,
mas as descobrimos, como musgos, sob folhas de
nossa vida, escondidas em nossas experiências”.

William Rader

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009




Admito que sou impotente, algumas vezes perco o dominio da minha vida.
Mas ganho paz...

NÃO SEM ANTES TREINAR MUITO.